h1

História Veridica

23 junho, 2006

Toda vez que penso em uma história de Pum, ou melhor, de “flatulência”…
Sempre lembro primeiro de uma história de amizade!
Sim, sim! Por increça que parível …
Foi quando eu demonstrei realmente ser um verdadeiro amigo…
Sabe daquele quase irmão mesmo?
Será que você seria capaz do mesmo ato?!?

Naquela época eu estava e tirava Férias… E um dos meus lugares preferidos de ir de férias passou a ser em Itajubá, uma cidade do sul de Minas Gerais, onde o Br, um amigo de escola (das antigas) foi morar com toda a família.
Primeiro antes de continuar a história, como vocês sabem muito bem sou fácil de amizade e por conseqüência fiquei amigo não só do Br, mas sim da família inteira! E nesta época em especial o Br estava namorando e me deixou na casa dele com os irmãos dele (que são dois) e foi namorar e depois talvez trazer a namorada para se juntar conosco.
Estamos lá tranqüilos, no segundo andar da casa eu e Fabinho batendo papo e tal quando adentram ao quarto Br e Mônica, e pela expressam dela… Ela tava contrariada com alguma coisa.
Fiquei na minha eles se sentaram ao meu lado e do nada…
Antes preciso fazer outra interrupção para dizer a Mônica nunca trocou muitas palavras comigo e às que trocou se resumiam a “Oi”, “Tudo Bem?”, “Legal…”.
A Mônica que era quem estava diretamente ao meu lado se vira pra mim, com um expressam mais séria ainda do que com a qual tinha entrado na sala e fala:
– Rodrigo… Posso te fazer uma pergunta?
– Claro que sim! Disse eu o mais rápido e sério que pude, afinal ainda tava rindo dos papos que eu tava tendo com o Fabinho.
– É que eu queria saber uma coisa… O Bruno… Ele flatula?
Eu devo dizer que devo ter demorado um pouco pra responder afinal para uma pessoa que mal conversava comigo vir me perguntar sobre a emissão ou não de gás pelo ânus de seu namorado e meu grande amigo.
E eu como bom amigo responde assim:
– Er… Sabe… Agora que você falou… Eu nunca vi. Não perto de mim.
– Ai que bom! E ela sorri aliviada e sorri contente.
– Sabe lá em casa meu pai e meu tio estavam num campeonato de flatulação e Arrotos…
– Nossa! E tento desesperadamente fazer uma cara de asco.
– É… Pra você ver! Mas ainda bem que você disse que o Bruno não é disso.
Que alivio. Colou.
Digo isso por que, antes de ter seu próprio carro todas as vezes que entrava sozinho comigo no meu travava a porta, fechava o vidro e sorrindo se virava para mim, já não agüentando as risadas e dizia com a cara mais lavada:
– PEIDEI!!!!! E vai feder! Comi ovo hoje!!!
Não! Não me pergunte como tive esse reflexo rápido de dizer a ela que na minha frente isso nunca tinha acontecido.
Nem eu mesmo sei dizer como consegui. O Br depois conversando comigo disse que suou frio pensando no que eu poderia dizer. Afinal como deu pra perceber ela não teria encarado tão bem assim a verdade.
Mas toda vez, toda vez mesmo que penso em uma história deste gênero eu lembro disso.

Lógico que já protagonizei várias histórias engraçadissimas…
Como a que o ricky falou, mas se eu contar agora fico sem o que contar depois…
E ai já viu né…

Comentários :
———————————————————————-
[Rodrigo]
Minhas estórias com vc merecem um Post só seu! Unico!

06/07/2006 14:23

[Tiãozinho]
Tio Roger mais amigo do que eu fui ao aturar sua contínuas “flatulências” não tem!!! Eu ainda não esqueço do dia em que você saiu do carro para “flatular” e quando voltou o “perfume” o seguiu tornando insuportável a sobrevivência de qualquer ser que dependesse de oxigênio para viver em um raio de 50 metros.

06/07/2006 12:22

[Rodrigo]
Toda vez que penso em uma hostória dessas… Essa é sempre a primeira. Eu acho que foi no susto mesmo que eu consegui.

30/06/2006 18:07

[Ma]
Bem “saia-justa” esta história, hein? Mas só você mesmo para conseguir dar uma resposta tão rápida…

29/06/2006 19:16

[Fefa]
Mto bom isso! Cara de pau foi pouco! rsrsrs

26/06/2006 21:47

[Trotta]
Hahaha, vc é mesmo um grande mentiroso, né! Enganou a coitada! XD Eu sou um felizardo por ter ouvido essa história ser contada pessoalmente. 🙂

24/06/2006 14:09

[Rodrigo]
Foi o que quiz dizer… Q a história q vc falou eu vou deixar pra um proximo post!

23/06/2006 20:13

[Ricky] [ricardula.nafoto.net]
“- É que eu queria saber uma coisa… O Bruno… Ele flatula?” Olha! Essa história eu já conhecia. A que eu falei no outro post era a em que vc e a Marília estavam em uma fila. Um abração!

23/06/2006 19:05

[Claudia] [loucaporblog.blogspot.com]
Rapaz!!! Isso é que é ser amigo!!! Mais que isso só se você assumisse o flato do BR.

23/06/2006 17:57

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: