h1

Ação

8 abril, 2007

Datação
1257 cf. IVPM supl.

Acepções
substantivo feminino
ato ou efeito de agir

 

Etimologia
lat. actìo,onis ‘ação, movimento; feito, obra; negócio; direito de proceder judicialmente, processo, auto; discurso, enredo’, do rad. do supn. actum do v.lat. agère ‘obrar, agir’; acp. econ por infl. semântica do fr. action ‘id.’ (1669), no qual ocorre p.ext., a partir da acp. jur ‘processo judiciário’ (1260), uma vez que, munido de uma apólice, a qual seria uma prova de seus direitos sobre o patrimônio comum, um associado poderia intentar uma ação na justiça sobre os fundos da associação; ver ag-; f.hist. 1257 acçõ, 1340 auçom, 1352 aucçom, sXV acçõ

Sinônimos
atividade, ato, atuação, desempenho, diligência, dinamismo, energia, execução, exercício, fazedura, fazimento, feito, laboração, movimentação, movimento, obra, operação, polvorosa, prática, práxis, processo, realização; ver tb. antonímia de hesitação.

 

Quando acontece alguma coisa diferente… Qual é a sua ação…

 

A primeira grande reação de muitas pessoas pode parecer incrível mais muitos têm é o antônimo de ação diante de uma situação inesperada! É hesitação em pessoa.

 

Outros se precipitam… Tornam-se mais agressivos diante da mesma situação inesperada.

Às vezes isso pode ser positivo, outras vezes está atitude pode ser um tanto quanto desastrosas.

 

E outros conseguem se manter calmos e pensar numa melhor solução, ou melhor, maneira de lidar com a situação.

 

Em qual você se enquadra?!

Explicação num próximo post de por que essa pergunta… 😉

Update!

Gostaria de ver essas respostas agora…
Focando no motoqueiro passando do lado do carro!
Qual é a sua reação dado a ação do motoqueiro?!?

Anúncios

10 comentários

  1. normalmente, fico calma… normalmente…


  2. Adoro esses posts que só são explicados depois, hehehe!

    Acho que, ao contrário do que possam pensar, na maioria das situações eu costumo agir com agressividade. Não suporto problemas pendentes! O.o

    Abraço, Bodas!


  3. Depende da situação…a maioria das vezes eu não me omito. Encaro a situação, sem ficar atonita. Na maioria das vezes com calma.


  4. Depende muito da situação, e do dia que ela ocorre. Tem dia que eu reajo de boa, sussa, tiro sarro, enfim… Tem dia que eu fico totalmente sem ação. E dependendo da situação eu fico atônita e até começo a chorar, por não conseguir reagir! Aff…


  5. Fiquei curiosa…

    Como reajo a situações inesperadas? Geralmente fico sem ação. Só depois meu cérebro acorda e pensa “Pô, poderia ter dito isto ou aquilo…”


  6. Gostaria de ver essas respostas agora…
    Focando no motoqueiro passando dolado do carro!
    Qual é a sua reação?!?


  7. Bom, a minha ação seria dar passagem: já que eu não consigo fazer o mesmo, ele que vá com Deus…

    Sei que sou suspeitíssima pra falar).


  8. É, como vc pôde ver, minha resposta aqui não teve nada a ver com minha resposta no outro post, hehehe!


  9. É legal ver que sem um tema as respostas são diferentes de quando se têm um tema…


  10. Tenho nutrido, por motoqueiros em geral, uma saudável ogeriza, o que não me leva (ainda)a atropelá-los. Mas estou quase aí.



Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: