h1

Manual de como proceder com Motoqueiros

12 abril, 2007

Noções e dicas para ajudar aos motoristas de Carro a terem um bom convívio com Motoqueiros e afins.

1.0 Mudanças de pista.

1.1 Ao querer mudar de faixa, observar se é possível essa operação utilizando os espelhos retrovisores.

1.2 Não somente observar se há Carros, mas também Motos.

1.3 Essas mudanças devem ser previamente sinalizadas com a seta.

1.4 Lembre-se que ligar a seta não é sinônimo de ligar o “Foda-se”.

 

2.0 Posicionamento nas Pistas.

2.1 O carro sempre cabe em uma única faixa.

2.2 Na maioria das avenidas há espaço suficiente para seu carro e ainda um espaço onde se pode deixar livre para motos e afins.

2.3 As faixas existem para serem respeitadas e seu carro deve ficar entre elas e não sobre elas.

2.4 Evite mudar de faixas com o trânsito parado, um carro atravessado atrapalha tantos carros como motos.

 

Esses dois são os principais itens.

Respeitando estes itens consegue-se garantir a integridade de seu carro e dos demais ! Incluindo-se ai os motoqueiros.

Anúncios

7 comentários

  1. Muito importante essas dicas.

    O meu pai sempre fala: Olha lá o filha da P***, deu a seta e acha que pode tudo.

    Agora você fala em carros, e os filhas da mãe dos motoristas de ônibus, que se enfiam em tudo quanto é buraco? Não prejudicam os motoqueiros também?
    E taxista? Porque também não se encaixam na categoria carro, eles acham que são alguma outra coisa superior, é incrível.


  2. É importante dizer que dar a seta não é facultativo. Tá na lei e é obrigatório! O.o


  3. Quanto ao item 1.4 – HAUAHAUAHAUAHAUAHAUAHAU (perfeito!)


  4. hehehehehe… A-D-O-R-E-I o post!
    Ficou bem divertido e didático! rs…
    Beijão!


  5. O interessante é que são coisas simples de se fazer e na maioria obrigações dos motoristas como um todo!


  6. bando de motoboy folgado

    E vc deve ser um motorista imbecil!


  7. Caro Bôde;
    Sempre utilizei todos os itens que vc, de forma didática, simples e eficiente, mencionou em seu post. Entretanto, permito-me acrescentar um item para utilização dos cinezíforos (vish! Agora eu fui fundo) de motocicletas e eu sei que vc, como ambicinezíforo ( piloto de carro e moto) sabe que tenho razão:

    1.1 – Todo espelhinho retrovisor tem, em qualquer carro, um PONTO CEGO em que não se consegue ver o que vem por trás, dentro de um certo espaço. Portanto, quando alguém está mudando de faixa diante de um motocilista, não é porque ele quer atropelá-lo mas sim porque ele não deve ter visto o dito-cujo, que estava dentro do ponto cego.
    1.2 – Na hipótese acima, nao adianta acionar a “Milagrosa” (buzininha) com toda a insistência do mundo, porque não dará mais tempo para voltar ao “status quo ante bellum”, ou seja não dará tempo pra voltar pra faixa anterior.
    Um grande abraço e Deus te proteja dos pilotos de carros “cahorros loucos” (que também os há), entre os quais eu não me incluo e nem quero incluir-me jamais.
    Um abraço a vc e à Marilia.
    PS: Sei que vc não se inclúi entre os motoqueiros, moto-boys nem cachorros loucos.



Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: