h1

Sexo Pelo Mundo

8 setembro, 2007
  • África do Sul

Na tribo dos Zulus, na África do Sul, o rei podia ter até 100
esposas.
É proibido fazer sexo durante uma tempestade, depois de um pesadelo
ou depois que o marido tenha matado uma cobra grande, um crocodilo ou uma
hiena, que seriam atividades desgastantes demais.

  • Alemanha

No início de 2000, um alemão desempregado e endividado decidiu
colocar a sua esposa num leilão. O prêmio era uma noite com ela e o lance
mínimo deveria ser de 500 dólares.

  • Arábia Saudita

O rei Ibn-Saud (1880-1953) dizia que possuiu 3 mulheres diferentes
por noite (exceto durante guerras), dos 11 aos 72 anos, quando morreu.
Pelos seus próprios cálculos, portanto, ele transou com cerca de 17 mil
mulheres.

  • Austrália

Os homens da tribo Waibirir, da Austrália Central, costumam
cumprimentar os visitantes de um modo bem diferente. Eles seguram o pênis
de um visitante como forma de cumprimento, da mesma maneira que os
ocidentais fazem com o aperto de mão.

  • China

Os chineses têm uma antiga receita que, segundo eles, aumenta o
tamanho do pênis em 6 centímetros. Os ingredientes são: algas marinhas e
extrato de fígado de cachorro branco.

  • Cingapura

Andar sem roupa mesmo dentro de casa é considerado um ato
pornográfico.

  • Dinamarca

Uma prostituta da cidade de Vejle, a 230 quilômetros da capital
Copenhage, conseguiu deduzir de seu imposto de renda os custos de um
implante de silicone nos seios. A princípio, as autoridades fiscais não
aceitaram o pedido, explicando que era impossível diferenciar quando os
seios eram usados profissionalmente e particularmente. Mas o conselho de
apelação aceitou o pedido da prostituta, dando a sentença de que “a
cirurgia era um investimento legítimo para melhorar os negócios”.

  • Egito

Um grupo religioso proibiu seus integrantes de comerem beringelas e
pepinos por causa de sua conotação sexual.

  • Espanha

Em 1659, um fazendeiro foi executado porque mantinha relações sexuais
com uma porca. O animal também acabou sendo sacrificado para “apagar
qualquer lembrança do ocorrido”.

  • Estados Unidos

Nos Estados Unidos, existe pesquisa sobre tudo. A hora do dia em que
mais casais fazem amor é 11 da noite. O New England Journal of Medicine
publicou que as mulheres sentem 30% mais tesão do que o normal em noites
de lua cheia.

  • Filipinas

Imelda Marcos, casada com o ex-ditador Ferdinand Marcos, tinha um
guarda-roupa recheado com 3 mil pares de sapatos, 200 cinta-ligas, 1000
meias-calças e 500 sutiãs pretos. Um deles era à prova de balas.

  • França

Na França do século XVIII, o sexo anal era um crime passível de
execução na guilhotina.

  • Holanda

Uma empresa criou o serviço “Amsterdam´s Nude Cleaning”. Por 43
dólares a hora, mulheres estão contratando homens para fazer o serviço de
casa. Detalhe: eles trabalham pelados o tempo inteiro. São 40 chamados por
dia.

  • Índia

Somente em 1978 as autoridades indianas permitiram que beijos fossem
exibidos na tela dos cinemas.

  • Irã

A revista semanal Fakhuir (Pensador) publicou uma reportagem sobre o
escândalo sexual do presidente norte-americano Bill Clinton. O texto vinha
acompanhado de fotos de Gennifer Flowers, Paula Jones e Monica Lewinsky.
Uma corte de Teerã multou o editor da revista, Reza Ghanilu, em 300
dólares. É que as mulheres estavam sem véu, como manda a lei islâmica.
A atriz de cinema Gohar Kheirandish foi condenada a 74 chicotadas por
ter beijado o rosto do diretor Ali Zamani durante a cerimônia de entrega
dos prêmios do Festival do Filme Religioso de Yazd. Pela lei islâmica, o
contato físico em público entre mulheres e homens que não são casados é
estritamente proibido. Gohar só escapou da pena porque foi beneficiada com
a sursis (suspensão da pena).

  • Itália

Em Veneza, no século XV, as prostitutas estavam autorizadas a exibir
seus seios nas janelas de suas casas. A idéia é que, desse modo, os jovens
seriam tirados do “perigo da aberração anti-natural do homossexualismo”.

  • Japão

Não faz muito tempo a submissão da mulher japonesa era tão grande que
ela precisava andar a 3 passos do marido, para não pisar sequer na sombra
dele.
A polícia de Tóquio prendeu Yoichi Ishihara, especialista em arrombar
armários de escola para roubar calcinhas das alunas. Em sua casa, os
policiais encontraram 1.200 peças íntimas. Ishihara declarou que vendia as
calcinhas a fetichistas. No Japão, alguns sex-shops têm máquinas que
vendem calcinhas usadas de colegiais.

  • Líbano

É crime transar com um animal do sexo masculino. Se for do sexo
feminino, pode.
Malásia
Na cidade de Kelatan, uma lei determina que as luzes dos cinemas
devem permanecer acesas durante a exibição do filme para “evitar atos
imorais no escuro”. O autor da proposta justificou a decisão: “Se podemos
ver TV em casa com as luzes acesas, por que não podemos fazer o mesmo no
cinema?”.

  • Nigéria

Há ainda um certo mistério sobre a morte do ditador nigeriano Sani
Abacha, em 1998. A imprensa européia noticiou que ele teria tomado Viagra,
remédio contra a impotência, sem saber que ela poderia causar graves
efeitos colaterais a doentes do coração, como ele. O general de 54 anos
morreu de ataque cardíaco na cama com sua oitava esposa

  • Papua-Nova Guiné

Ao entrar na puberdade, os meninos da tribo Keraki, em Nova Guiné,
devem participar de uma sessão de coito anal. Os Keraki acreditam que os
jovens não crescerão se não tiverem recebido o sêmen de homens mais
velhos. A tribo também acredita que homens podem engravidar, a menos que
comam uma laranja-lima.

  • Polinésia

Antes da influência das culturas européias, as mulheres da Polinésia
eram proibidas de comer bananas, por causa do formato, e de comer cocos,
por parecerem com testículos.

  • Rússia

Uma das edições mais explosivas da história da Playboy russa trazia
na capa a loira Dana Borisova. Ela era a apresentadora de um programa de
TV chamado Revista do Exército. No programa, Dana entrevistava soldados e
passava mensagens de incentivo. Na capa da edição, lançada em 1997, ela
aparecia com uma camiseta bem justinha e botas militares.

  • Tailândia

Sair de casa sem cueca ou calcinha por baixo da roupa é proibido.

  • Tonga

Houve época em que uma das obrigações do rei de Tonga era tirar a
virgindade de todas as moças da ilha. Aos 80 anos, ele ainda cumpria seus
deveres várias vezes por semana.

  • Turquia

Mehmet Esirgen, de 52 anos, tinha problemas de impotência. Resolveu
fazer um transplante de pênis, usando um bem-dotado burro como doador. Por
4 vezes, ele castrou um animal, mas em nenhuma delas conseguiu encontrar
um médico disposto a fazer a operação.

  • Venezuela

Uma pesquisa realizada pelo Instituto Roper Starch Worldwide apontou
os países em que as pessoas vivem mais felizes sexualmente. O primeiro
lugar ficou com a Venezuela, onde 46% dos entrevistados disseram que sim.
Em seguida apareceram Brasil (32%), Estados unidos (27%), México e Índia
(26%), Austrália e França (25%), Inglaterra (23%), Nigéria (22%) e
Dinamarca (21%).

  • Vietnã

No Vietnã costuma-se tomar um afrodisíaco para lá de exótico: licor
com uma cobra naja em conserva. O tal licor não é a única opção de
afrodisíaco dos vietnamitas. Eles também recorrem aos poderes de cavalos-
marinhos secos.

Anúncios

4 comentários

  1. “as prostitutas estavam autorizadas a exibir
    seus seios nas janelas de suas casas”.

    hiuoahoiuahioauhaiou… não tinha disso na minha época e nesse pais! hauioauhaiouaho… ai já viu!

    Muito bom o Post!

    Grande Abraçooo!


  2. Adorei as curiosidades… umas engraçadas e umas bem bizarras, não? Aff…


  3. Queria saber como é a fiscalização nesses países com crimes bizarros, como aquele que não pode sair de casa sem roupa de baixo, hehehe!

    Mas só sei que eu seria criminosíssimo se morasse em Cingapura, hahaha!

    Abraço!


  4. Que interessante esse país Holanda, hein? Todo serviço de casa pronts e ainda com Holandeses despidos?

    Que doido esse Turco, tá doido!

    Legal essas informações!



Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: